Homem golpeia o ex-companheiro da mulher com chave de fenda. — Foto: LMP News

Um garimpeiro indiano foi morto na última terça-feira, dia 2, na região de Mamainie, no distrito de Brokopondo. De acordo com a polícia do Suriname, um grupo armado, formado por três brasileiros, teria invadido o local, roubado ouro e executado a vítima com um tiro na cabeça.

Ao LPM News, uma fonte deu outros detalhes. Informou que a gangue contratou uma canoa para se deslocar até a região. O dono da embarcação teria desconfiado dos homens e, então, acionou o polícia, que não conseguiu encontra-los a tempo.

Publicidade

Ainda de acordo com a apuração da reportagem, o grupo ficou escondido e, dias depois, cometeu o primeiro assalto. A segunda ação criminosa só aconteceu três dias adiante. O bando chegou ao garimpo, no começo da tarde, encontrou a vítima, que teria se recusado a abrir o “despedrador”.

Em seguida, teria acontecido uma luta corporal e um dos integrantes da quadrilha acabou atirando no homem, que morreu no local. O Ministério Público do Suriname pediu que o corpo do indiano fosse enviado para exame de necropsia.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar