De acordo com alerta das autoridades de saúde, o vírus está se espalhando no Suriname.

Das 100 pessoas testadas em laboratório do Hospital Acadêmico de Paramaribo (AZP) trinta foram confirmadas positivo para o vírus.
De acordo com John Codrington, chefe do laboratório no AZP, não há motivo para pânico. O vírus Zika não é perigoso e não leva a morte como o chikungunya e a dengue.

Publicidade

A suspeita é que existam centenas de casos, mas se as pessoas não fizerem o teste, a doença pode ser confundida com uma gripe severa ou febre.

Segundo o ministério da saúde do Suriname, não é necessário ir ao médico porque o vírus é eliminado pelo próprio organismo e de acordo com Codrington, o vírus ainda não atingiu o seu pico e espera-se que nos próximos dias muitos mais casos venham a ser confirmados com o início da estação chuvosa no país.

“O Zika vírus é transmitido pelo mesmo mosquito da dengue, surgindo os sintomas normalmente 10 dias após a picada”.

Inicialmente, os sintomas do Zika vírus podem ser confundidos com uma gripe comum, provocando:

  1. Febre, entre 37,8°C e 38,5°C;
  2. Dor nas articulações, principalmente das mãos e pés;
  3. Dor nos músculos do corpo;
  4. Dor de cabeça, que se localiza principalmente atrás dos olhos;
  5. Conjuntivite, que é uma inflamação do olho e que provoca cor avermelhada dos olhos, sensação de picada que leva a lacrimejar, inchaço das pálpebras e secreção amarela;
  6. Hipersensibilidade nos olhos;
  7. Manchas vermelhas na pele, que inciam na face e que se podem espalhar pelo corpo e, que podem ser confundidas com sarampo;
  8. Cansaço físico e mental.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar