Os policiais civis da Seccional da Marambaia foram informados pelo disque-denúncia, que um morador de um condomínio, na Augusto Montenegro, traficava entorpecentes. Quando o surinamês, Esthefano Franklin Pertap Kandhai, de 27 anos, saía do local onde mora, os policiais o abordaram, fizeram revista e não encontraram nada suspeito. Foram ao apartamento de Esthefano e acharam um revólver, calibre 38, com seis munições. A arma estava na bolsa da companheira, Gleicy Geane Santos Marais, 31 anos.

HORA ERRADA

Publicidade

Enquanto a polícia continuava as vistorias, um dos amigos do suspeito chegou. Fábio Geovani Souza Soares, de  30 anos, que também foi revistado. Em um dos bolsos da calça, a polícia encontrou uma peteca de cocaína. No veículo usado por Fábio para ir até o apartamento do amigo, foi encontrado o documento da compra de um imóvel, em um condomínio, localizado em Ananindeua.

A polícia foi ao local e se deparou com um tablete de cocaína, quatro celulares, uma balança de precisão e dinheiro surinamês.

Gleicy disse à polícia que estava com o revólver para se defender. Ela foi autuada por posse ilegal de arma e será encaminhada para o Centro de Recuperação Feminino (CRF). Esthefano responderá por tráfico de drogas e Fábio por associação ao tráfico.

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte: Diário do Pará

Comentar

Comentar