Surinamesa é presa com drogas. — Foto: Polícia do Suriname

Duas mulheres foram detidas por uma unidade especial da polícia em Nova Déli, capital da Índia, por suspeita de tráfico de cocaína. Uma das mulheres, Maurey Erna G., de 45 anos, é natural do Suriname. A outra, Namubiru J., de 35 anos, é de Uganda, mas mora em Mumbai, segundo as autoridades indianas.

Elas trabalhavam em conjunto e, segundo a polícia indiana, teriam agido em nome de uma organização criminosa intercontinental de traficantes de cocaína. Um total de 1,85 kg de cocaína foi apreendido com as mulheres. O contrabando foi enviado para a Índia em bolsas femininas e cosméticos, disse a polícia.

Publicidade

A surinamesa foi presa com 1 kg de cocaína na segunda semana de fevereiro, após uma batida no hotel onde estava hospedada. Durante o interrogatório, ela revelou que havia transportado a droga a mando de traficantes de Paramaribo, que são filiados a outros cartéis que operam em países como o México e tem parceiros em vários países africanos.

As drogas foram embaladas de forma organizada e profissional, em bolsas femininas e recipientes de desodorantes. De acordo com a polícia indiana, traficantes surinameses enviaram a carga de cocaína para Namubiru J.

Em 21 de fevereiro, Namubiru foi presa e trazia um pouco da cocaína que havia recebido de Maurey Erna. Ela também foi presa e mantida sob custódia, com o restante da cocaína apreendida. A polícia informou às respectivas embaixadas da prisão das duas mulheres e outras investigações estão em andamento, de acordo com relatórios da polícia indiana.

Comentar

Comentar