Dos doze países que compõe o bloco da América do Sul, o Suriname é o oitavo em percentual na lista dos que mais tem pessoas infectadas com a Covid-19. O levantamento do LPM News foi realizado na última quinta-feira, dia 2, com base nos dados disponibilizados pelo rastreador global do vírus desenvolvido pela Microsoft, e leva em consideração casos confirmados x população.

Dos mais de 575 mil habitantes do Suriname, pelo menos 547 testaram positivo para a Covid-19, o que representa 0,09% da população do país. O líder desse ranking é o Chile, onde 1,5% do total de habitantes contraiu o vírus. Por lá, no entanto, o índice de casos recuperados também é expressivo. São mais de 280 mil positivados, porém, apenas 29 mil seguem ativos.

Publicidade

No Suriname, o índice de curados ainda permanece mediano. Ao todo, 46% dos infectados já foram declarados recuperados pela equipe nacional de gerenciamento da Covid-19. O cenário no país, por outro lado, segue preocupante com o avanço diário da doença. O Ministério da Saúde não indica se o pico foi atingido ou não.

O governo ainda acompanha de perto a situação de 534 pessoas. Todas estão em isolamento social. Até a última atualização do painel da Covid-19, o Suriname tinha sete pacientes internados em unidades de terapia intensiva em hospitais públicos. O número de mortes não teve alteração na última semana. Permanece sendo 13 óbitos.

Situação na América do Sul preocupa

Na segunda colocação em infecções pela Covid-19 na América do Sul está o Peru. O país, que possui mais de 32 milhões de habitantes, registrou quase 290 mil pessoas positivas, um total de 0,9%. O Brasil segue em terceiro com 0,7% de seus habitantes, Equador em quarto, com 0,3% e Bolívia em quinto, com 0,2%. A lista completa da situação de cada país você confere abaixo:

País População Infectados Percentual
Brasil 200 milhões 1,4 milhões 0,7%
Argentina 44,4 milhões 67 mil 0,1%
Chile 18,7 milhões 282 mil 1,5%
Uruguai 3,4 milhões 943 0,02%
Paraguai 6,9 milhões 2.2 mil 0,03%
Bolívia 11,3 milhões 34 mil 0,2%
Peru 32 milhões 288 mil 0,9%
Equador 17,8 milhões 58 mil 0,3%
Colômbia 49,6 milhões 102 mil 0,2%
Venezuela 28,8 milhões 6 mil 0,02%
Guiana 779 mil 248 0,03%
Suriname 575 mil 535 0,09%

 

Foto: Arte LPM News

Comentar

Comentar