O Campeonato Anual de Karatê do Caribe teve inicio na quinta-feira, 11 de junho, no “Anthony Nesty Sporthal” com a participação de cinco países.

Ismanto Adna, Ministro do Esporte e da Juventude, esteve presente na abertura do evento que terá a duração de três dias.  “Que os melhores karatecas ganhem, de forma justa e humana”, disse Adna em seu breve discurso na abertura do evento.

“É um grande dia para comunidade karateca do Suriname”, disse Kenneth Sijp, presidente da Associação de Karate do Suriname. “Este é o primeiro campeonato do Caribe e o Suriname é o pioneiro a sediar o evento

Há uma grande quantidade de torneios, como o Aberto americano e do Aberto da América do Sul, mas não havia nada até agora para a nossa região. Háverá premiação para duas categorias principais:  Kata (luta imaginária) e Kumite (combate).

A ideia de organizar campeonatos regionais era debatido há dez anos e isto não aconteceu por acaso. Um ano atrás, Williams Millerson, vice-presidente da Federação Mundial de Karatê deu o ponta-pé inicial para a realização deste projeto no Caribe e o Suriname foi escolhido para sediar o primeiro campeonato. No próximo ano o evento vai para Trinidad & Tobago.

Millerson está muito feliz com o marco alcançado. “Isto é como o Campeonato no Panamá, que também começou pequeno e agora um dos maiores eventos “, observou Millerson.  O Suriname está bem representado com dezessete lutadores. Aruba, Bonaire, Curaçao, Martinica e Trinidad e Tobago têm apenas seus melhores lutadores.” Concluiu Millerson.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar