O Campeonato Anual de Karatê do Caribe teve inicio na quinta-feira, 11 de junho, no “Anthony Nesty Sporthal” com a participação de cinco países.

Ismanto Adna, Ministro do Esporte e da Juventude, esteve presente na abertura do evento que terá a duração de três dias.  “Que os melhores karatecas ganhem, de forma justa e humana”, disse Adna em seu breve discurso na abertura do evento.

Publicidade

“É um grande dia para comunidade karateca do Suriname”, disse Kenneth Sijp, presidente da Associação de Karate do Suriname. “Este é o primeiro campeonato do Caribe e o Suriname é o pioneiro a sediar o evento

Há uma grande quantidade de torneios, como o Aberto americano e do Aberto da América do Sul, mas não havia nada até agora para a nossa região. Háverá premiação para duas categorias principais:  Kata (luta imaginária) e Kumite (combate).

A ideia de organizar campeonatos regionais era debatido há dez anos e isto não aconteceu por acaso. Um ano atrás, Williams Millerson, vice-presidente da Federação Mundial de Karatê deu o ponta-pé inicial para a realização deste projeto no Caribe e o Suriname foi escolhido para sediar o primeiro campeonato. No próximo ano o evento vai para Trinidad & Tobago.

Millerson está muito feliz com o marco alcançado. “Isto é como o Campeonato no Panamá, que também começou pequeno e agora um dos maiores eventos “, observou Millerson.  O Suriname está bem representado com dezessete lutadores. Aruba, Bonaire, Curaçao, Martinica e Trinidad e Tobago têm apenas seus melhores lutadores.” Concluiu Millerson.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar