Lesley Resida, diretor do Departamento de Saúde Publica (BOG) e John Codrington, chefe do laboratório do Hospital Acadêmico em Paramaribo, (AZP) confirmaram que o número de pessoas infectadas com o vírus Chikungunya nas ultimas semanas vai diminuir.

Até o momento, o hospital tem mais de 2.500 casos analisados​​, e destes mais da metade foram confirmados como positivo para o vírus Chikungunya.

Dados da BOG mostram que na ultima semana de setembro foram confirmadas 836 pessoas com o vírus chikungunya e 497 infectados eram mulheres.

Segundo o diretor do laboratório Codrington, o período de pico do vírus já passou, mas mesmo assim é necessário a sociedade permanecer vigilante.

 

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar