Moscou, 5 dez (EFE).- O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, anunciou nesta segunda-feira o iminente início de negociações com os Estados Unidos para a retirada dos rebeldes do leste de Aleppo, após o que será declarado um cessar-fogo.
Lavrov explicou que o secretário de Estado americano, John Kerry, propôs “estabelecer rotas e prazos para a saída de todos os combatentes do leste de Aleppo, sem exceção”.

As conversas começarão amanhã, terça-feira, ou no mais tardar na quarta-feira, em Genebra, depois que Lavrov e Kerry mantiveram consultas no dia 2 de dezembro em Roma, afirmou o chefe da diplomacia russa em entrevista coletiva.

Publicidade

Fonte: Uol

Comentar

Comentar