Segundo o Centro de Saúde Pública (BOG), houve uma diminuição de casos de Chikungunya em Wanica.

Os primeiros casos de chikungunya foram registrados em julho no distrito Wanica. Quarta-feira, dia 12 de novembro, durante uma reunião de informação do comissário do distrito, foi anunciado pela Diretora da Saúde, Marthelisse Eersel que muito tem sido feito para combater a epidemia no distrito.

Publicidade

Com esta ação o lixo volumoso foi removido,  a informação sobre a doença foi passada para a população e diversos locais foram pulverizados com veneno para impedir a proliferação do mosquito.

Repelentes para insetos também foram entregues às escolas e outras comunidades. “Podemos concluir cautelosamente que inibimos a propagação da epidemia de certa forma. Você vê que há uma diminuição das internações hospitalares, o número de testes positivos caiu, e o número de internações diminui”, admite Eersel. O Diretor de Saúde salientou que a ação irá continuar, agora que as chuvas começaram.

Durante o mês de outubro, em Wanica mais de 5.000 metros cúbicos de lixo volumoso foi retirado. Isto para combater o surto de chikunguya. Tanto o comissário do distrito, o Exército Nacional, o (BOG), a Polícia Ambiental  e o corpo de polícia (KPS) têm colaborado para isso.

A comunidade também já foi informada e mobilizada e para a coleta de lixos em Wanica foram investidos SRD 1.597.000.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar