Os acusados Mora S. e Coting G. foram detidos pela polícia acusados de roubo e falsificação de documentos.

Os criminosos alugaram um carro em uma locadora com carteiras de motorista falsificada. Um terceiro suspeito fez um contrato de venda falso, entregando o veículo como garantia de pagamento a um joalheiro no valor de US$ 7.000.

Publicidade

O joalheiro quando apresentou o veículo em uma outra empresa para retirar o dinheiro, descobriu pelo proprietário da empresa, que se tratava de documentos falsos. O joalheiro, então, chamou a polícia que conseguiu prender os criminosos.

A polícia está a procura do terceiro integrante da quadrilha que está foragido. O carro que foi furtado da locadora pelos bandidos é um carro da marca Mitsubishi Pajero.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar