spot_img
spot_img

Previsão de calor intenso e pouca chuva no Norte do Brasil, Guiana Francesa e Suriname

Mês de agosto marca a transição para a estiagem, com chuvas mais amenas no início do mês e temperaturas mais elevadas a partir da segunda quinzena.

Atualizado há

Os moradores do Amapá, Guiana Francesa e Suriname devem se preparar para enfrentar dias de muito calor neste mês. De acordo com a previsão do Núcleo de Hidrometeorologia (NHMET) do Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas, o mês de agosto marca a transição para a estiagem, com chuvas mais amenas no início do mês e temperaturas mais elevadas a partir da segunda quinzena.

Os habitantes dessas regiões já puderam sentir a mistura de temperaturas elevadas seguidas de pancadas. Em relação à temperatura média, o calor que se manteve em torno de 32º em julho pode se tornar ainda mais intenso, podendo chegar até 34,5º.

Vale ressaltar que o mês de julho foi marcado por altas temperaturas em todo o mundo, sendo considerado o mês mais quente do planeta em 120 anos, conforme relatório do clima. Com a chegada do período de estiagem, além dos dias de calor intenso, a região norte fica em alerta máximo devido às queimadas e focos de calor.

- Publicidade -

O NHMET indica chuvas abaixo da média para agosto, com volume previsto entre 50 e 60 milímetros, representando apenas 30% do esperado para o mês passado. Diante desse cenário, é importante que os moradores se preparem para enfrentar o calor intenso e os possíveis impactos causados pela estiagem, como a ocorrência de incêndios. Medidas de prevenção e conscientização ambiental são fundamentais para minimizar os efeitos dessa situação climática.

Comentar

Comentar

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Mais do LPM

spot_img
Custom App
Phone
Messenger
Email
WhatsApp
Messenger
WhatsApp
Phone
Email
Custom App