Publicidade

A polícia da Guiana encontrou nesta segunda-feira, dia 14, a segunda aeronave que estava desaparecida nas proximidades do Rio Mazaruni, na cidade de Issano. Dentro do avião, os agentes acharam um corpo e uma quantidade de uma substância que aparentemente seria cocaína. As buscas na região começaram no domingo (13).

De acordo com informações preliminares, o corpo encontrado dentro da aeronave seria do piloto. A polícia da Guiana não confirma a informação. O avião, segundo as autoridades do país, seria um Beechcraft. O registro não foi divulgado, nem se estava apto para voar.

Publicidade

O avião estava localizado cerca de 600 metros de onde o primeiro avião Cessna foi encontrado, com um brasileiro e dois venezuelanos a bordo. Esta segunda aeronave está danificada, ao contrário do outro que não bateu, pois teria feito um pouso forçado, de acordo com uma testemunha.

Ainda segundo ele, o avião é registrado no Brasil, e a bordo do Cessna estavam dois pilotos: um de 38 anos, de Boa Vista, capital de Roraima; outro de 29 anos, de Temeremo, na Venezuela; além de um técnico em informática, de 35 anos, da cidade de Manaus, capital do Amazonas.

 

Comentar

Comentar