spot_img
spot_img

Paulo Henrique Amorim é condenado à prisão

Atualizado há

Um dos jornalistas mais respeitados e acompanhados da TV brasileira, Paulo Henrique Amorim, apresentador do Domingo Espetacular, principal audiência da Rede Record, foi condenado a cinco meses e dez dias de prisão por ofensas ao diretor de jornalismo da Rede Globo, Ali Kamel.

Figura controversa no meio jornalístico, Kamel é autor de um livro tão polêmico quanto seu passado, “Não Somos Racistas – Uma Reação aos que Querem nos Transformar numa Nação Bicolor”. E foi justamente ao escrever em seu blog, Conversa Afiada, sobre o livro de Kamel que Amorim foi condenado.

Desembargador responsável pela decisão, Edison Brandão, afirmou que o jornalista da Record está em uma “autêntica empreitada” para manchar a honra do diretor da Globo. Amorim chama Kamel de racista e afirma que o global “engrossa as fileiras racistas dos que bloqueiam a integração e a ascensão dos negros”.

- Publicidade -

O desembargador afirmou que Amorim poderia exercer seu direito de expressar opinião, porém, de forma que não usasse “palavras demeritórias e pejorativas”.

Essa não é a primeira vez que Paulo Henrique Amorim é condenado por algo que escreveu em seu blog, tampouco a primeira vez que é processado por supostas ofensas. A decisão do desembargador ainda cabe recurso.

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte: Esquadrão de Preto

Comentar

Comentar

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Mais do LPM

spot_img
Custom App
Phone
Messenger
Email
WhatsApp
Messenger
WhatsApp
Phone
Email
Custom App