Claudinei Lourenço Costa da Silva, de 18 anos, foi preso, nesta quarta-feira (27), pelo crime de tortura. O homem teria agredido o próprio filho, um menino de apenas 11 meses. Durante as agressões, ele acabou fraturando o fêmur da criança. O caso foi registrado em Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro. 

PUBLICIDADE

Segundo informações da Polícia Civil, as agressões ocorreram no último sábado (23). O suspeito teria discutido com a mulher e, em um momento de raiva, acabou dando um “pisão” em uma das pernas do bebê.

O homem ainda tentou esconder as lesões provocadas na criança, colocando uma calça comprida no mesmo. O bebê só recebeu atendimento na última segunda-feira (25), quando foi levado à unidade de saúde pela própria mãe. O Conselho Tutelar foi acionado.

“Fizemos diversas buscas atrás dele. Nós o convencemos a se entregar pois ele corria risco de ser linchado”, contou o delegado responsável pelo caso, Gustavo de Mello de Castro.

A criança passou por um procedimento cirúrgico e está com a perna imobilizada.

O agressor será encaminhado para a Secretaria estadual de Administração Penitenciária e ficará à disposição da Justiça.

(Com informações do Extra)

Deixe seu comentário abaixo.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui