spot_img
spot_img

Pai é preso suspeito de matar e abusar da filha de quatro anos

Atualizado há

Corpo da menina Sophia foi encontrado no apartamento dele com um saco plástico na cabeça.

O pai da menina Sophia, Ricardo Najjar, foi preso temporariamente suspeito da morte da filha de apenas quatro anos. Exames mostraram que a garotinha sofreu abuso sexual antes de morrer, no último dia 2 de dezembro, no apartamento do pai, que fica na avenida Jabaquara, zona sul de São Paulo.
Najjar, que tem 23 anos, foi retirado do velório da filha para ser preso

No dia do crime, antes de ligar para informar a polícia sobre a morte da filha, Najjar  ligou duas vezes para o pai dele e uma vez para a namorada. A falta de organização da casa em que ele mora chamou a atenção dos peritos

- Publicidade -

Exames feitos no corpo da menina mostraram marcas pelo corpo, que podem ser de agressões. Mais exames serão feitos para confirmar a suspeita

No dia em que o corpo da menina foi encontrado, Najjar estava passivo e não se desesperou em nenhum momento. Segundo a polícia, ele demostrou frieza

A criança foi encontrada caída ao chão, do lado da cama, com um saco plástico na cabeça e apresentando sinais de asfixia

Iniciadas as investigações, os policiais colheram as declarações do pai da vítima. Ele disse ter deixado a menina sozinha no quarto brincando e, ao retornar do banho, encontrou-a caída ao chão, com um saco plástico na cabeça e desmaiada

Diante de diversas contradições entre as declarações do pai e a perícia realizada, o delegado pediu a prisão temporária do suspeito

A mãe da menina está em estado de choque depois da morte da filha. Ela estava planejando uma viagem com a garota

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte: R7

Comentar

Comentar

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Mais do LPM

spot_img
Custom App
Phone
Messenger
Email
WhatsApp
Messenger
WhatsApp
Phone
Email
Custom App