spot_img
spot_img

Oposição: Ministério dos Assuntos Sociais e da Habitação parece estar corroído

Atualizado há

- Publicidade -

Alice Amafo, Ministra dos Assuntos Sociais e Habitação (SoZaVo) disse ontem, durante o debate sobre o orçamento no parlamento, que vários projetos deste ministério não foram cancelados.

O que houve, de acordo com a ministra, foi que faltou apoio político suficiente para os “programas de transferência condicional de renda. O projeto ‘bromki fu tamara’,  não atendeu às necessidades de financiamento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O projeto ‘Kraka yu srefi’ está pronto para implementação, mas aguarda pela liberação de recursos a serem disponibilizados pelo Ministério das Finanças.

Os membros da Assembleia Ronny Asabina (BEP) e Arthur Tjin-A-Tsoi e Ruth Wijdenbosch do (NPS) disseram que estes projetos estão corroídos porque tem motivação politica.

- Publicidade -

Os membros da Assembléia disseram que o ministério dos assuntos sociais está corroído. Asabina disse que o cartão de saúde não funciona adequadamente para atender as necessidades dos mais carentes. O Ministério do Esporte e Juventude está trabalhando em projetos sociais e fornece apoio social às vítimas de incêndio. A habitação social não saiu do papel. Além disso, o departamento não consegue pagar as contas em várias empresas funerárias. A ministra Amafo disse que reconhece que de fato o ministério não tem cumprido com eficácia seus objetivos e que há muito trabalho a ser feito.

Ronny Asabina queria saber sobre o que aconteceu com o aumento geral para as Crianças de Srd 30 para Srd 50 a partir de Março de 2015, anunciado pelo presidente Desi Bouterse. A ministra disse que ainda está sendo pago o valor de SRD 30 e que algumas questões estão sendo analisadas e ajustadas para que o novo valor possa entrar em vigor.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Mais do LPM

spot_img
Custom App
Phone
Messenger
Email
WhatsApp
Messenger
WhatsApp
Phone
Email
Custom App
%d blogueiros gostam disto: