Na busca pelo Helicóptero da Hi-Jet o (NCCR) solicitou a ajuda de especialistas de outros países.

A aeronave, com o piloto e um técnico, está desaparecida há nove dias. “Nós fornecemos informações para especialistas de vários países sobre as estratégias de busca que estamos utilizando e eles, por sua vez, nos aconselharam sobre as medidas que podem ser tomadas a partir de agora.

Jerry Slijngaard NCCR
Jerry Slijngaard NCCR

“Além disso, temos perguntado se eles podem disponibilizar tecnologia avançada para esta operação “, disse Jerry Slijngard, do Centro de Coordenação Nacional para Desastres (NCCR) nesta segunda-feira,1 de junho. Slijngard espera informações hoje sobre recursos disponíveis e orientação de especialistas estrangeiros.

O Suriname está  utilizando cinco helicópteros e um avião para sobrevoar a área a procura de destroços, onde se acredita que o helicóptero possa ter  caído. Na busca por terra estão envolvidos as tropas terrestres do Exército Nacional, guardas florestais da Fundação para Manejo Florestal, garimpeiros e caçadores que conhecem a área. “Temos uma imensa área delimitada entre Pusugrunu no sudeste da Nova Jacob Kondre  e a montanha ao sul de Witagron para o norte. Esta área foi selecionada com base em informações de testemunhas oculares e os últimos sinais recebidos do dispositivo de localização da aeronave “, disse Slijngard.

Vários fatores complicam as buscas: “O tamanho da área e as condições inóspitas de nossa selva, as inúmeras montanhas e vales profundos da  área que está sendo pesquisada. A  falta de contato por rádio com as vítimas e o mau tempo torna a missão complicada.” Concluiu o coordenador do NCCR.

[alert color=”C20000″]Clique na imagem para abrir.[/alert]

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar