Morreu nesta quinta-feira em Buenos Aires, o argentino Gustavo Cerati, líder da banda ‘Soda Stereo’, após quatro anos em coma por conta de um acidente vascular cerebral (AVC), confirmou a família através de uma nota publicada na página do músico no Facebook.

‘Agradecemos o respeito e a consideração com que sempre acompanham a nossa família’, declararam os familiares.

Publicidade

De acordo a Clínica Alcla, ele teve uma parada respiratória por volta das 9 horas (mesmo horário em Brasília) e não sofreu. O velório acontecerá na noite de hoje na Assembleia Legislativa de Buenos Aires e será aberto ao público. Gustavo Adrián Cerati Clark, de 55 anos, sofreu o AVC durante uma turnê solo na Venezuela, em maio de 2010.

Em 2013, o papa Francisco escreveu uma carta de apoio à família. O músico deixa Benito e Lisa, seus dois filhos.

Ganhador de vários prêmios, Cerati liderou uma das maiores bandas de rock da América Latina e é autor da canção ‘De música ligera’ que se popularizou no Brasil com a versão do Paralamas do Sucesso e, depois, a adaptação do Capital Inicial em ‘À sua maneira’.

O ‘Soda Stereo’ teve atuação de 1982 a 1997. Em 2007, a banda voltou aos palcos para uma turnê. O último trabalho do músico foi ‘Fuerza natural’ lançado em 2009.

Deixe seu comentário abaixo.

Copyright (c) Agencia EFE, S.A. 2014, todos os direitos reservados

Comentar

Comentar