Para alcançar este crescimento estimado, o governo conta com maiores receitas no setor de mineração em 2018.

De acordo com o Ministério das Finanças do Suriname, o aumento nas receitas também deve vir da introdução de impostos sobre vendas.

Publicidade

A inflação média anual no país foi projetada em 22% e estas projeções foram realizadas dentro do instrumento de planejamento financiado e pelo Quadro de Financiamento de Médio Prazo (MTFF). Nas projeções do MTFF dos anos seguintes, o crescimento econômico e a renda per capita aumentam, enquanto a inflação continua baixa e as posições da dívida diminuem.

O relatório foi apresentado pelo Ministério das Finanças na Assembléia Nacional para o orçamento de 2018 pelo presidente Desi Bouterse na sexta-feira (22). As informações foram divulgadas através de um comunicado de imprensa emitido nesta segunda-feira, 25 de setembro, apresentando uma visão otimista para as finanças públicas em 2018 com receitas mais elevadas dos setores de mineração e serviços.

Segundo o governo, no exercício financeiro de 2018, as finanças continuarão sendo monitoradas com o objetivo de alcançar equilíbrio e crescimento das finanças públicas. A atenção será dada a uma política de gastos gerenciável e priorizada em todos os papéis governamentais.

O crescimento da receita será estruturalmente melhorado com base na introdução do imposto sobre o valor agregado (IVA) e maior eficiência na cobrança de receita. O Ministério das Finanças espera que com a introdução do IVA, (Imposto Geral sobre o Consumo) aconteça a tributação no consumo de bens e serviços pelo consumidor, produzindo um montante de SRD 392.126.000 para o próximo ano.

Com a introdução do IVA, de acordo com o Ministério das Finanças, haverá uma simplificação e um melhor controle do sistema de impostos indiretos.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar