spot_img
spot_img

LaMia pagará R$ 555 mil às famílias de vítimas

Atualizado há

A LaMia anunciou que irá indenizar cada uma das famílias de vítimas da tragédia com o voo da Chapecoense em US$ 165 mil (cerca de R$ 555 mil). Conforme o jornal boliviano “El Deber”, o valor foi estabelecido no Convênio Internacional sobre Aviação Civil. A informação foi dada pelo advogado da empresa aérea boliviana, Néstor Higa, em uma conferência de imprensa na quarta-feira (14).

O advogado disse que a empresa vai pagar a indenização com uma apólice de seguro que é endossada pela Organização da Aviação Civil Internacional (OACI). No caso das vítimas brasileiras, serão necessários a declaração de herdeiros e o atestado de óbito traduzidos para o espanhol e legalizados no consulado boliviano no Brasil.

Higa também solicitou que o Ministério Público da Bolívia permita o acesso aos escritórios da empresa, atualmente lacrados, de modo que os procedimentos dos seguros sejam acelerados.

- Publicidade -

Das 77 pessoas a bordo do avião da Lamia, 71 morreram, incluindo 19 jogadores da Chapecoense. Dos seis sobreviventes, quatro eram brasileiros, três deles jogadores – o lateral Alan Ruschel, o goleiro Jackson Follmann e o zagueiro Neto – e um jornalista, o catarinense Rafael Henzel.

Bolívia, Colômbia e Brasil estão investigando as causas do acidente, sob suspeita de que foi um erro humano que causou o incidente. A principal suspeita é de que houve negligência no abastecimento de combustível que cobria a rota Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, até Medellin, na Colômbia.

Fonte: G1

Comentar

Comentar

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Mais do LPM

spot_img
Custom App
Phone
Messenger
Email
WhatsApp
Messenger
WhatsApp
Phone
Email
Custom App