spot_img
spot_img

Homens decapitam irmã na Índia por causa de romance com primo

Atualizado há

Superintendente da Polícia disse que ela queria se casar com rapaz. Associação diz que número de crimes de honra chega a mil por ano.

Dois homens decapitaram em público a única irmã que tinham porque ela mantinha um romance com um primo, em um novo “crime de honra” ocorrido na segunda-feira (17) no estado de Uttar Pradesh, no norte da Índia, segundo a agência Efe.

“A menina queria se casar com o rapaz contra a vontade de seus irmãos”, explicou o superintendente da Polícia de Shahjahanpur, distrito no qual ocorreram os fatos na segunda-feira, Babloo Kumar.

A fonte disse à Efe que ainda não puderam recuperar a cabeça da vítima. No entanto, testemunhas disseram os jornais locais, como o India Today, que os assassinos mostraram-na pelas ruas para “ensinar” às mulheres da região a não adotar o mesmo comportamento.

Os homens asseguraram após o fato que se entregariam à polícia, mas não fizeram, explicou o superintendente, para acrescentar que um deles foi detido na terça-feira (18) e que o outro continua em paradeiro desconhecido.

No rígido e hierárquico sistema hindu de castas, profundamente enraizado nas zonas rurais, o casamento é arrumado pelas famílias, que levam em conta considerações tanto sociais como econômicas e religiosas.

As relações por amor acarretam frequentemente o repúdio dos parentes do casal, uma oposição que se manifesta nos chamados “crimes de honra”.

Embora não existam dados oficiais sobre o número de “crimes de honra” que são cometidos na Índia, a Associação de Mulheres Democráticas estima que ocorram cerca de mil por ano.

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte:  G1

Comentar

Comentar

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Mais do LPM

spot_img
Custom App
Phone
Messenger
Email
WhatsApp
Messenger
WhatsApp
Phone
Email
Custom App
%d blogueiros gostam disto: