A vítima se queixava de muitas dores e faleceu no hospital Acadêmico de Paramaribo.

De acordo com relatório de Departamento de Saúde Pública do Suriname, com mais esta morte, sobe para quatro o número de vítimas fatais infectadas pelo temido Zika Vírus no Suriname.

Publicidade

A informação da morte da vítima mais recente infectada com o vírus foi confirmada pelo diretor do Departamento de Saúde Pública do Suriname (BOG), Lesley Resida. De acordo com Lesley, o vírus pode agravar os sintomas já existentes e o próprio vírus não está relacionado com a mortalidade.

“É um equívoco pensar que a pulverização contra mosquitos nos bairros resolve o problema”, afirmou o diretor do BOG.

Segundo o médico Wim Bakker do Suriname, como no combate ao Chikungunya e o vírus da dengue, também falhamos no combate ao vírus zika. Segundo Bakker, o governo deve utilizar instrumentos de investigação de universidades para fazer pesquisa e descobrir o meio mais eficaz de combater o mosquito. “Com os recursos limitados que temos, precisamos ser inteligentes para fazer um trabalho eficaz no combate ao mosquito Aedes Aegypti transmissor do Zika vírus “, disse Bakker.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar