spot_img
spot_img

Governo fornece apoio financeiro às famílias de Brokopondo

Devido às inundações no período de março a junho, grandes áreas no distrito de Brokopondo foram prejudicadas, ocasionando na necessidade de auxilio para às famílias no distrito

Atualizado há

Em decorrência dos danos causados por inundações, no distrito de Brokopondo, o governo disponibilizou um auxílio às famílias que sofreram danos como resultado das inundações. O Grupo de Desenvolvimento de Brokopondo, composto por representantes da autoridade tradicional de Brokopondo, empresários, organizações não-governamentais e vários setores que estão representados no distrito, contribuiu para a disponibilização do auxílio. 

O presidente do grupo, Sandino Ratling, indica que primeiro foi feito um inventário dos danos e com base nos dados disponíveis foi formulado um plano de ação. Os valores do auxílio foram obtidos através de dados levantados através de  informações coletadas pelo Staatsolie Maatschappij Suriname

Os Ministérios das Finanças e do Planeamento e dos Negócios Estrangeiros, Negócios Internacionais e Cooperação Internacional (BIBIS), foram abordados logo após o levantamento do inventário. “Os orçamentos foram discutidos e decidimos que vamos começar a pagar às famílias”, disse Ratling, acrescentando que cerca de 200 famílias se inscreveram para receber o auxílio.

- Publicidade -

O governo começou a disponibilizar o auxílio, equivalente a SRD 3000, por família, durante um período de seis meses, totalizando SRD 18000, no final do ano de 2022. Deste valor, 25%, que dá SRD 4500, já foram pagos a parte dos agregados familiares. O valor restante de SRD 13.500, será pago em lotes. Uma quantia única de SRD 50.000 será paga a eles aos agricultores, que também estão incluídos no orçamento. A intenção é que esse grupo de empresários possa retomar suas atividades agrícolas com a indenização.

Devido às inundações no período de março a junho, grandes áreas no distrito de Brokopondo foram prejudicadas. Como resultado, muitas famílias e empresários sofreram danos materiais, tendo muitos bens completamente perdidos. De acordo com Ratling, desde então ficou claro que muitas pessoas foram afetadas pelas enchentes. “Eles também são elegíveis para compensação”, observa o presidente. 

 

Comentar

Comentar

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Mais do LPM

spot_img
Custom App
Phone
Messenger
Email
WhatsApp
Messenger
WhatsApp
Phone
Email
Custom App