O Governo do Suriname emitiu um comunidado sobre o apoio financeiro que vai disponibilizar por conta da pandemia da Covid-19. Segundo o aviso, a solicitação é para que todas as pessoas e empresas afetadas pela Covid-19 se inscrevam virtualmente entre 1º e 7 de abril.

Depois do cadastro, os ministérios do Trabalho, Emprego e Assuntos da Juventude (AW&J) e Finanças e Planejamento (Belastingdienst Suriname) executaram uma triagem, prosseguindo para o parecer final. Este registro é para aqueles que não se inscreveram em fevereiro e março de 2021.

Publicidade

“Pessoas que se inscreveram nos meses de fevereiro e março estão isentas desse registro. Vale ressaltar também que quem se inscreve em abril não é elegível para o Covid apoio para os meses de fevereiro e março, mas, sim, para o mês de abril”, completou, em nota, o comunicado oficial.

Veja quem está apto a fazer o cadastro:

  • Pessoas que estão ou estiveram empregadas: inclui aquelas que recebem renda reduzida ou que foram demitidas a partir de março de 2020 devido à pandemia de Covid-19;
  • Encerramento de empresas ou redução de renda para pequenas e médias empresas (PMEs) e trabalhadores autônomos;
  • Fechamento de empresas ou redução de receita para grandes empresas;

Todas as três categorias podem se inscrever online por meio do site do Ministério do Trabalho, Emprego e Assuntos da Juventude (http://atm.gov.sr/), o site da Administração Fiscal do Suriname (https://belastingdienst.sr /) as páginas do Facebook dos ministérios AW&J e F&P e a página do Facebook do Fisco Suriname, onde o acesso ao registro é oferecido através do link https://financien.sr/covidhulp2021.

 

Comentar

Comentar