Funcionários de instituições médicas e da organização de prevenção de epidemias, receberam treinamento para prevenir a epidemia do vírus Ebola no Suriname.

Foram dois dias de treinamento prático para garantir que aqueles que desejavam obter conhecimentos sobre a forma de contaminação e proteção contra o vírus Ebola ficassem bem informados.

Publicidade

O treinamento foi organizado pelo Centro de Coordenação Nacional de Epidemias (NCCR). O coordenador do (NCCR), Jerry Slijngaard, disse após a cerimônia de entrega dos certificados que os instrutores que ministraram o curso são especialistas dos Estados Unidos e que a embaixada dos (EUA) doou no ano passado para o Suriname equipamentos e roupas de proteção usados no combate ao vírus Ebola.

De acordo com Slijngaard, é importante que os equipamentos estejam aqui , mas a execução correta dos procedimentos para evitar a infecção é igualmente importante. Sabe-se que a maioria dos casos de infecção em trabalhadores que cuidam dos doentes acontece no momento em que o os acessórios de proteção são retirados.

Uma das perguntas feita pelos repórteres que acompanhavam a cerimonia de entrega dos certificados de participação, foi: O Suriname está pronto para lidar com uma possível epidemia de Ebola?

“Você nunca vai estar 100% pronto, mas com pequenos passos, estamos avançando para fazer isto de forma correta se houver uma infecção por Ebola “,  respondeu Slijngaard.

Deixe seu comentário abaixo.

 

Comentar

Comentar