spot_img
spot_img

Famílias ​​receberão reforço no poder de compra com auxilio do governo

Governo decidiu implementar o programa social a partir de 31 de janeiro de 2023.

Atualizado há

O Ministro Uraiqit Ramsaran de Assuntos Sociais e Habitação (SoZaVo) indica que as provisões financeiras existentes já existem do ministério, incluindo Provisão Geral para Velhice, Benefício Geral para Crianças, Assistência Financeira para Pessoas com Deficiência e Assistência Financeira para Famílias Fracas, que formam o sistema social internet Segura. Essas facilidades continuarão. Famílias vulneráveis ​​dentro da sociedade receberão reforço de poder de compra por meio do programa social. “Com isso, o governo está tentando aliviar o sofrimento de todos os grupos vulneráveis, mas também do cidadão comum, para que não acabem em uma situação desesperadora”, disse o ministro Ramsaran. A intenção é que com este programa social entre 40.000 e 60.000 famílias recebam um aumento de poder de compra de SRD 1800 por mês.

Ao abrigo do programa social serão subsidiados sete bens e serviços, nomeadamente: combustível, electricidade, água, gás, alimentação básica, transportes e medicamentos. Para efetuar os pagamentos deste programa, será utilizado por enquanto o sistema MoniKarta do Banco Suriname de Poupança Postal (SPSB). As pessoas que se qualificam para isso são grupos vulneráveis ​​que já fazem parte da Rede de Segurança Social SoZaVo e outros grupos vulneráveis.

- Publicidade -

Comentar

Comentar

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Mais do LPM

spot_img
Custom App
Phone
Messenger
Email
WhatsApp
Messenger
WhatsApp
Phone
Email
Custom App