spot_img
spot_img

Especialistas dizem que Suriname é um país de alto risco para incêndios

Atualizado há

De acordo com especialistas em segurança, o grande número de incêndios que ocorrem no país são provocados pela baixa qualidade dos equipamentos de instalação elétrica nas residências.

“O Suriname é um dos países onde o seguro contra incêndios é mais caro nas seguradoras” , disse Arnold Halfhide, especialista na área de proteção contra incêndios nesta quarta-feira, 16 de março.

Segundo dados das seguradoras, a principal causa de incêndios no Suriname no momento são: o incêndio criminoso ou intencional e em segundo lugar “eletricidade”. As outras três causas da lista continuam a ser velas, panelas esquecidas no fogo e crianças brincando com fogo. O Suriname não tem o hábito de trabalhar com instaladores (Quadros de energia) certificados. “É preciso trabalhar com instaladores aprovados, porque estes equipamentos possuem dispositivos de segurança para evitar um incêndio”, afirmou Halfhide.

- Publicidade -

Segundo o especialista, os incêndios elétricos são provocados principalmente por sobrecarga ou por cabos e equipamentos de baixa qualidade. Um leigo dificilmente pode ver a diferença, mas o problema é que os cabos usados muitas vezes na instalação da rede elétrica residencial são muito finos o que resulta em aquecimento e incêndio.

Uma outra recomendação feita pelo especialista em segurança é que as instalações com mais de dez anos de uso precisam ser trocadas, pois os cabos de energia depois de alguns anos ressecam e também passam a aquecer provocando curto-circuito na instalação elétrica.

Se estes cuidados básicos forem observados, muito sofrimento e prejuízo material poderá ser evitado.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Mais do LPM

spot_img
Custom App
Phone
Messenger
Email
WhatsApp
Messenger
WhatsApp
Phone
Email
Custom App