Agência de notícias chinesa diz que há 35 mortos e mais de 40 feridos. Vítimas celebravam a virada do ano em uma praça em Xangai.

Ao menos 35 pessoas morreram e mais de 40 ficaram feridas após um tumulto em uma multidão que celebrava o Ano Novo em Xangai, na China. As vítimas foram pisoteadas, de acordo com a agência de notícias chinesa Xinhua.

Publicidade

De acordo com a BBC, que cita informações da agência, a confusão teve início às 23h35 (horário local), na praça Chenyi, no distrito de Huangpu, em uma área conhecida como Bund, e que margeia um rio. As causas ainda não foram determinadas.

Diversos feridos foram levados ao Hospital Geral de Xangai, segundo a Xinhua.

A BBC diz ainda que, pouco antes da confusão, a polícia de Xangai publicou no Twitter mensagens informando que alguns turistas teriam caído do píer, e solicitando que as pessoas deixassem a área tranquilamente.

A agência France Presse diz que as autoridades haviam decidido suspender a contagem regressiva em um telão de laser em 3D por motivo de segurança, e que no ano passado o evento reuniu cerca de 300 mil pessoas, um número muito acima do previsto pelos organizadores.

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte: G1

 

Comentar

Comentar