spot_img
spot_img

Corpo de aeromoça é encontrado em mala em represa do Cantareira

Atualizado há

- Publicidade -

Principal suspeito do crime, marido foi encontrado morto pela polícia na casa em que o casal morava, no interior de São Paulo.

O corpo da aeromoça Micheli Martins Nogueira, de 31 anos, foi encontrado dentro de uma mala, nesta segunda-feira, às margens da represa Atibainha, que integra o Sistema Cantareira, em Nazaré Paulista, interior de São Paulo. Principal suspeito do crime, o marido dela, Júlio Cesar Arrabal, foi encontrado morto pela polícia na casa em que vivia o casal, em Sumaré, próximo a Campinas.

Segundo o delegado seccional de Bragança Paulista, José Henrique Ventura, o crime aconteceu antes das 10h30, quando o veículo de Arrabal foi flagrado acima da velocidade permitida pelo radar inteligente no quilômetro 72 da Rodovia Dom Pedro. A Polícia Civil foi acionada à tarde por um casal que pescava na represa e ficou desconfiado ao ver duas malas de viagem à beira de uma pilastra.

- Publicidade -

Em uma delas, estava o corpo de Micheli, que tinha marcas de agressão na testa e no rosto. Não há vestígios de violência sexual. Na outra mala foram encontrados roupas e documentos da aeromoça.

Pouco depois, a polícia e a Guarda Municipal chegaram ao sobrado onde o casal vivia e encontraram o corpo de Arrabal suspenso na escada, preso por um cinto. Ainda de acordo com a Polícia Civil, os pulsos dele apresentavam ferimentos superficiais. Junto ao corpo foram encontrados uma faca suja de sangue, medicamentos, uma garrafa de vodca e vestígios de consumo de cocaína. Dois celulares também foram localizados, um deles, o da vítima.

O carro do casal estava estacionado na frente da casa. Dentro dele, a polícia achou o notebook da aeromoça e os sapatos dela.

Companhia Aérea – Micheli Nogueira era comissária de bordo da companhia aérea Azul, de acordo com a Polícia Civil. Em nota, a empresa afirma que “lamenta profundamente o ocorrido”. “A companhia está prestando toda assistência necessária à família e colaborando com a Polícia Civil”, completa o texto

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte: Veja

Comentar

Comentar

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Mais do LPM

spot_img
Custom App
Phone
Messenger
Email
WhatsApp
Messenger
WhatsApp
Phone
Email
Custom App
%d blogueiros gostam disto: