Líder norte-coreano Kim Jong-un acompanhou teste.Coreia do Sul presume que lançamento aconteceu na costa leste do vizinho.

A Coreia do Norte desenvolveu e testou com sucesso um novo míssil antinavio de alta precisão, que em breve passará a fazer parte do arsenal de sua Marinha, informou neste sábado (7) a agência estatal “KCNA”.

Publicidade

O teste do projétil aconteceu recentemente sob a supervisão do líder norte-coreano, Kim Jong-un, segundo o meio de comunicação oficial do regime, que não precisou onde o lançamento aconteceu.

“O míssil antinavio de alta precisão foi disparado de uma embarcação plataforma de lançamento. O foguete inteligente localizou o alvo inimigo com precisão, o seguiu e impactou nele”, diz o comunicado da KCNA.

O Ministério da Defesa sul-coreano presume que o lançamento teria acontecido na costa leste da Coreia do Norte, mas não conta com dados sobre o alcance do novo projétil, disse um porta-voz à agência local “Yonhap”.

Além disso, o jornal “Rodong”, publicação do partido único norte-coreano, publicou fotos do lançamento de uma embarcação de guerra, e reportou que o projétil permitirá “aumentar as capacidades de defesa das águas territoriais norte-coreanas e reagir com força a qualquer ataque militar do inimigo”.

O líder norte-coreano expressou sua satisfação pelo teste e apostou no desenvolvimento de “mais armas táticas inteligentes e teleguiadas de alta precisão”, em declarações recolhidas pelo mesmo jornal.

Os últimos testes conhecidos de mísseis antinavio norte-coreanos aconteceram em março de 2012, quando o regime disparou dois projéteis KN-01, com um alcance de 120 km, da província de Pyongan do Norte, no extremo noroeste do país.

Além disso, ao longo de 2014, a Coreia do Norte realizou múltiplos testes de lançamentos de mísseis, que elevaram a tensão na região, e seguiu reivindicando sua ambição de desenvolver armas nucleares contra o que considera uma ‘ameaça’ militar dos EUA e da Coreia do Sul.

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte: G1

 

Comentar

Comentar