spot_img
spot_img

Controladores de tráfego aéreo do Suriname ameaçam paralisar suas atividades

Atualizado há

A Associação de controladores de tráfego aéreo do Suriname (Satca), deu um prazo para o governo atender as reivindicações do grupo.

 O prazo dado pelos membros da Satca expira as 23:59 hs da próxima sexta-feira, 29 de abril.

De acordo com o presidente da Satca, Manodj Ramparichan, se o governo não responder, os controladores não poderão garantir a segurança do tráfego aéreo nos céus do Suriname. A associação entregou nesta terça-feira, 26 de abril, uma carta onde informa o governo sobre as condições de trabalho e o prazo para que o governo de uma resposta as questões levantadas pela associação.

- Publicidade -

O presidente da Satca, disse também em uma reunião com os membros da associação que, possivelmente, a segurança do tráfego aéreo no aeroporto  Johan Adolf Pengel,  Nickerie e Zorg en Hoop não será mais garantida após o encerramento do prazo dado ao governo.

Genaro Alpin, vice-presidente da Satca, disse que desde 2007, a associação chama a atenção do governo para a situação dos controladores de tráfego aéreo, mas os resultados até agora não vieram. “Alguns controladores esperam a 13 anos por uma promoção”, salientou Alpin.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Mais do LPM

spot_img
Custom App
Phone
Messenger
Email
WhatsApp
Messenger
WhatsApp
Phone
Email
Custom App