Foi a pior tragédia marítima na região em quatro décadas.Também foi culpado de pôr em risco segurança de outras pessoas.

O capitão de um ferry de Hong Kong foi declarado culpado neste sábado (13) pela morte de 39 pessoas num acidente ocorrido em 1º de outubro de 2012, a pior tragédia marítima na região em quatro décadas.

Lai Sai-ming, 56, capitão do Sea Smooth, também foi declarado culpado de pôr em risco a segurança de outras pessoas, pelo tribunal de Hong Kong, que o julgou pelo choque do ferry com o barco de turismo Lamma IV.

‘A sentença será anunciada nesta segunda-feira’, informou sua advogada Audrey Campbell-Moffat.

Já Chow Chi-wai, 58, capitão do Lamma IV, foi absolvido das 39 acusações de homicídio.

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte: G1

Comentar

Comentar