Um caça venezuelano com duas pessoas a bordo caiu perto da fronteira com a Colômbia na noite de quinta-feira, após uma “aeronave ilícita”, supostamente colombiana, ser localizada violando o espaço aéreo, informou o governo da Venezuela. Não ficou imediatamente claro se os dois pilotos a bordo da aeronave russa Sukhoi-30 morreram. A causa do acidente não foi informada.

A queda do avião acontece em meio a uma crescente tensão entre os vizinhos sul-americanos, após a Venezuela fechar grandes travessias fronteiriças nas semanas recentes, alegando combater o crime organizado e o contrabando. “Nossa Força Aérea irá continuar voando implacavelmente para garantir nossa soberania e independência, combatendo os flagelos do narcotráfico, paramilitarismo e outros crimes cometidos na fronteira entre Colômbia e Venezuela”, disse o ministro da Defesa, Vladimir Padrino, em nota.

Publicidade

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, fechou cruzamentos fronteiriços e deportou mais de mil colombianos no mês passado. Ele culpa o tráfico pela escassez crônica venezuelana de bens básicos. Segundo estimativas da ONU, 20.000 colombianos foram afetados pela atual crise, entre os quais se encontram mais de 1.500 deportados e outros 18.000 que fugiram por medo de serem expulsos.

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte: Veja

Comentar

Comentar