Confira os principais destaques do pronunciando presidencial.

A visibilidade e acessibilidade da polícia serão intensificadas, segundo anunciou o presidente do Suriname Desiré Delano Bouterse, durante o discurso anual na Assembléia Nacional (DNA) nesta segunda-feira, dia 30. O chefe de estado ainda ratificou que o crime, não apenas a repressão, mas, sobretudo, a prevenção, continua sendo prioridade de sua gestão.

Bouterse também destacou a implantação dos gerentes de bairros, que será intensificada, bem como o controle da criminalidade como uma ferramenta de política pública a ser efetivada até 2020. “O governo continua comprometido em garantir a proteção ideal do Estado de Direito, garantindo a aplicação da lei e a proteção legal, além de garantir a segurança de toda a sociedade”, disse.

“No domínio político da ‘segurança jurídica’, será realizado um trabalho no ano de 2020 para alterar a legislação e submeter à versão alterada do Código Civil, da Lei de Condução e do Código de Processo Penal o mais rápido possível”, completou Bouterse, que se lembrou do projeto “segurança do cidadão” que passará por uma nova abordagem estrutural.

“Será adotada uma abordagem estrutural no exercício financeiro de 2020 para reforçar os cuidados policiais básicos e aumentar a supervisão, a segurança e a habilidade da polícia em áreas residenciais, tanto no interior quanto nas planícies costeiras”, disse.

Cidade Segura

“No contexto da segurança nacional, os instrumentos eletrotécnicos estão agora operacionais no projeto Cidade Segura para aumentar a segurança”. O presidente diz, ainda, que os outros distritos estarão conectados no próximo período, o que contribuirá significativamente para a segurança geral do Suriname.

Apoio às vítimas

“O atendimento e o apoio às vítimas de todas as formas de violência e ofensas sexuais receberão maior atenção no ano de serviço de 2020, com foco particular em melhorar a abordagem de várias formas de violência e violência contra crianças”, disse Bouterse.

Segurança Nacional

“Tendo em mente o ditado de que a segurança nacional é inerente ao desenvolvimento nacional, o governo está novamente implementando uma política estratégica neste ano de serviço, voltada à sustentabilidade, estabilidade e fortalecimento da ordem pública. Para manter essa sustentabilidade, é necessário investir em tecnologia e outras inovações. Esse pensamento orientado para o futuro leva à compra de computadores com software forense para o Corpo de Polícia do Suriname; um instrumento que permitirá à polícia combater o crime com maior sucesso e eficácia”, concluiu.

Foto: LPM

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar