Imagem: Italo Barroso

A Air France anunciou nesta terça-feira, 24, que irá lançar um voo direto semanal que ligará Belém (PA) e Caiena (Guiana Francesa). A operação está prevista para começar em 5 de maio.

De Caiena, o voo segue para Fort-de-France (Martinica) e Pointe-à-Pitre (Guadalupe), permitindo aos clientes viajar entre o Brasil e os países caribenhos franceses sem ter que realizar uma conexão.

A rota Belém-Caiena será operada com aeronaves Airbus A320 configuradas para até 168 passageiros, sendo 12 assentos na executiva e 156 na classe econômica.

O voo AF603 decolará de Belém às 9h35, chegando em Caiena às 11h10, sempre aos sábados. Na volta, o voo AF602 deixará a capital da Guiana Francesa às 15h40, com pouso programado na capital paraense às 17h15, sempre nas sextas-feiras. Ambos os voos em horários locais.

O que é preciso para entrar na Guiana Francesa

Diferente de alguns países da América do Sul, é necessário visto para entrar na Guiana Francesa. Ele pode ser obtido na Embaixada da França em Brasília ou nos Consulados do Rio de Janeiro ou São Paulo. O agendamento para o pedido de visto é feito somente pela internet (veja aqui).

Também é preciso apresentar Certificado Internacional de Vacinação contra a Febre Amarela. Saiba como tirar aqui. Para voos de conexões para a França não é necessário tirar o visto, já que cidadãos brasileiros isentos para entrar nos países do Espaço Schengen.

Conexão para Paris

A nova rota também oferecerá aos brasileiros, principalmente do Norte e Nordeste, a possibilidade de viajar para Paris (aeroporto de Orly) com conexão em Caiena. A Air France já opera o trecho Fortaleza-Paris (Charles de Gaulle).

“Estamos felizes em acrescentar mais uma possibilidade de entrada do Brasil para Paris e agora para o Caribe francês. Existe uma demanda significativa entre Belém e Caiena”, diz Steven van Wijk, diretor comercial do Grupo Air France-KLM na América do Sul.

As passagens para os novos serviços podem ser adquiridas no site da Air France e em agências parceiras.

Comentar

Comentar