spot_img
spot_img

Barco achado com corpos passou pelo Suriname e Guianas antes de chegar ao litoral paraense

A Capitania dos Portos aguarda a liberação da perícia para iniciar sua análise minuciosa na embarcação.

Atualizado há

PARAMARIBO – Na noite de segunda-feira (15), a Marinha do Brasil concluiu com sucesso o reboque da embarcação encontrada à deriva na costa paraense. A descoberta desse barco, feita por pescadores no último sábado (13), gerou especulações e preocupações sobre sua origem e as circunstâncias que o levaram a estar nessa condição.

A embarcação foi localizada na comunidade do Castelo, zona rural de Bragança, município localizado a pouco mais de 200 quilômetros de Belém. Sua trajetória intrigante incluiu a passagem pela costa da América, abrangendo países como as Guianas e o Suriname, antes de chegar ao litoral paraense.

Segundo informações da Marinha, o barco é fabricado com fibra de vidro e possui aproximadamente 13 metros de comprimento. Curiosamente, ele foi encontrado desprovido de motores ou qualquer sistema de propulsão e direção. Surpreendentemente, não apresentava sinais de danos estruturais, sugerindo que não havia passado por um naufrágio.

- Publicidade -

 

Comentar

Comentar

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Mais do LPM

spot_img
Custom App
Phone
Messenger
Email
WhatsApp
Messenger
WhatsApp
Phone
Email
Custom App