spot_img
spot_img

Avião com problema pousou em Medellín pouco antes de voo da Chapecoense sumir do radar

Atualizado há

Aeronave da Viva Colômbia havia saído de Bogotá rumo à ilha de San Andrés, mas falha o obrigou a desviar.

Uma aeronave da companhia aérea Viva Colômbia desviou para o aeroporto José María Córdova, em Medellín, minutos antes de o avião que levava o time da Chapecoense desaparecer do radar na madrugada desta terça-feira (29).

Segundo a Viva Colômbia, o voo FC 8170 apresentou “uma indicação na cabine” que levou o comandante a interromper o trajeto original. A empresa disse, em comunicado, que não chegou a declarar emergência.

- Publicidade -

O avião pousou à 0h51 em Medellín. Quatro minutos depois, o avião da Lamia com a delegação da Chapecoense desapareceu dos radares do Flight Radar 24, um serviço de monitoramento de voos, quando estava a 33 km do aeroporto.

O avião, um Avro RJ-85, caiu na madrugada desta terça-feira (horário de Brasília) enquanto levava o time da Chapecoense de Santa Cruz de la Sierra (Bolívia) para Medellín. Há mais de 70 mortos. Seis pessoas sobreviveram.

Os destroços foram encontrados a 17 km do aeroporto, segundo a administradora do terminal de José María Córdova.

A aeronave que caiu chegou a fazer órbitas na aproximação, o que está previsto na carta do aeroporto. Segundo o documento, o avião desce em círculos, para depois prosseguir.

Fonte: G1

Comentar

Comentar

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Mais do LPM

spot_img
Custom App
Phone
Messenger
Email
WhatsApp
Messenger
WhatsApp
Phone
Email
Custom App