Os assistentes sociais do Ministério da Justiça e da Polícia passaram recentemente por um treinamento sobre metodologia moderna e técnicas de elaboração de relatórios. A iniciativa do treinamento veio por parte da Associação de Assistentes Sociais do Suriname.

Há algumas semanas atrás, o ministro Kenneth Amoksi fez com que o Departamento de Treinamento e Educação fornecesse o treinamento. A formação consistiu em duas sessões, a primeira foi sobre o modelo EDDA, ​​uma metodologia moderna para o trabalho social, que tem como objetivo dar uma resposta flexível à situação do cliente durante o tratamento, já a segunda sessão concentrou-se em técnicas de relatórios.

A chefe do departamento de Educação e Formação, Maritza Vroom-Sibelo, indicou que as sessões foram organizadas para cerca de 70 assistentes sociais do Ministério da Justiça e Polícia. A chefe do departamento indicou que é importante que as pessoas continuem a formar-se e a desenvolver-se na sua profissão. “Mesmo nessa situação precária, é importante investir nas pessoas e fico feliz por termos conseguido organizar isso”, diz Vroom-Sibelo.

Comentar

Comentar