Vídeo publicado no YouTube mostra policial agredindo a mulher. Acordo também acertou que acusado pedirá demissão.

A mulher que foi espancada por um policial da Califórnia em uma rodovia do estado americano receberá uma indenização de US$ 1,5 milhão. O valor foi acertado em uma conciliação na última quarta-feira (24). O policial concordou em pedir demissão.

Publicidade

O acordo aconteceu em uma reunião de nove horas realizada em Los Angeles.

O caso aconteceu em julho. Um vídeo publicado no YouTube mostra Daniel Andrew abordando Marlene Pinnock, de 51 anos, que andava na 10 Freeway. Em seguida, ele joga a mulher no chão, sobe sobre ela e bate repetidamente em sua cabeça.

[ot-video type=”youtube” url=”https://www.youtube.com/watch?v=DcCN5C7UBx0″]

O policial alegou que estava tentando proteger a mulher, que estaria andando nas pistas da rodovia. A mulher foi detida por 72 horas após o policial alegar que ela era um perigo para ela mesma e para outras pessoas.

Com a divulgação do vídeo, o policial foi afastado do trabalho nas ruas e deslocado para uma posição interna. Dias depois, foi afastado totalmente do serviço. Mesmo com sua saída da polícia, Daniel ainda pode responder criminalmente pelo caso.

Marlene tem transtorno bipolar, e estava sem sua medicação por dois meses antes do incidente.

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte:  AP

Comentar

Comentar