Uma mulher se tornou vítima de uma cirurgia estética ao tentar um procedimento de Botox e receber veneno de cobra.

Raluca Crisan, de 38 anos, alega ter sido injetado o veneno de cobra por um médico romeno quando ela solicitou o tratamento de Botox.

Publicidade

A advogada diz que o cirurgião plástico Adrian Oancea, de 47 anos, supostamente disse que as injeções a fariam ter uma pela mais jovem.

Segundos após o tratamento, ela sentiu o rosto queimar e inchar e deu entrada em um hospital na cidade de Alba Iulia-na,na Romênia. Seu rosto ficou completamente paralisado após o incidente. Raluca Crisan, de 38 anos, alega ter sido injetado veneno de cobra por um médico romeno quando ela solicitou o tratamento de Botox.

Ela disse que o rosto ficou congelado por cerca de um ano.

Após dois anos de tratamento médico intensivo, Crisan pode agora usar 70% dos músculos faciais.

O veneno de cobra está sendo lentamente substituindo o Botox em popularidade, como um meio de reduzir rugas.

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte: Gadoo

 

Comentar

Comentar