Emocionada por ser a atração principal do sábado no Festival Glastonbury, na Inglaterra, cantora soltou a língua no palco: uma palavra de baixo calão a cada 3 minutos.

Adele não segurou a emoção de ser uma das atrações principais do Festival Glastonbury, um dos maiores eventos de arte a céu aberto do mundo, e soltou a língua. A cantora desceu do salto de diva e falou 33 palavrões durante o show de uma hora e meia que fez, ou seja, um palavrão a cada 2,7 minutos. E não se esqueça de que a maior parte do tempo ela passou cantando, e não conversando com a plateia — ou seja, quando papeeou, metralhou o público de palavrões. Sim, o site do tabloide inglês The Mirrorse deu ao trabalho de contar.

Publicidade

O show aconteceu nesse Ultimo sábado, em Somerset, na Inglaterra. Adele mal terminou de cantar a primeira música da setlist, Hello, e já soltou seu primeiro palavrão. Depois, ela emendou três músicas e parou para, finalmente, cumprimentar a plateia. “Oh, meu Deus, oh, meu Deus. Oi”, disse. “Este é o momento mais f* da minha vida. Oh, meu Deus. Olha só para vocês. Produção, vocês conseguem iluminar mais a plateia? Quero ver as pessoas.”

Em determinado momento, Adele chegou a dizer que havia sido advertida pela BBC, emissora que transmitiu os shows do festival, sobre a sua boca suja. “A BBC teve que me advertir sobre a minha boca suja. Aposto que o Muse não levou bronca!”, disse, mencionando a banda inglesa.

Nas redes sociais, o comportamento da cantora dividiu opiniões: algumas pessoas achavam que ela deveria maneirar nos palavrões, argumentando que havia crianças na plateia e assistindo à transmissão pela TV, enquanto outras estavam simplesmente contentes de perceber que a diva pop, afinal, é gente como a gente.

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte: Veja

Comentar

Comentar