A cantora Marília Mendonça e mais duas pessoas morreram na queda de um avião de pequeno porte caiu em uma área perto de uma cachoeira na serra da cidade de Piedade de Caratinga, no interior de Minas Gerais, na tarde desta sexta-feira (5). A informação é do Corpo de Bombeiros. Mais cedo, a assessoria de imprensa da artista informou que ela e mais quatro pessoas haviam sido resgatadas.

“O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais informa que nesta sexta (5), ocorreu a queda de uma aeronave de pequeno porte, modelo Beech Aircraft, na zona rural de Piedade de Caratinga. O CBMMG confirma que a aeronave transportava a cantora Marília Mendonça e que ela está entre as vítimas fatais”, informa nota.

Publicidade

Segundo o empresário da cantora, Wander Oliveira, outras quatro pessoas estavam a bordo do avião fretado por Marília. Além da cantora, havia dois assessores, piloto e copiloto.

O que se sabe até agora

  • Avião bimotor caiu perto de uma cachoeira por volta de 15h30 desta sexta;
  • Marília Mendonça e mais duas pessoas morreram;
  • O avião, um King Air prefixo PT-ONJ, da PEC Táxi Aéreo, estava em situação regular e tem autorização para fazer táxi aéreo, segundo a Anac.

Comentar

Comentar