O conselheiro da Presidência da Ucrânia, Mykhailo Podolyak, informou que a usina nuclear de Chernobyl foi capturada pelas forças russas.

Ele disse que “não é possível garantir a segurança da área” onde há um depósito de resíduos nucleares e afirmou que essa é uma das “ameaças mais sérias para a Europa no momento”.

Publicidade

Acidente nuclear

Um dos reatores da usina de Chernobyl, na Ucrânia – então sob comando soviético –, explodiu em abril de 1986.

As emissões nucleares do acidente foram equivalentes a 400 bombas de Hiroshima.

Na ocasião, 30 pessoas morreram.

A região ao redor da antiga usina não é habitável e é conhecida como Zona de Exclusão.

Militares russos dominam aeroporto perto de Kiev

Um assessor da presidência da Ucrânia afirmou que o aeroporto de Hostomel foi capturado por forças russas.

O aeroporto militar de Hostomel fica a cerca de 23 quilômetros da capital de Kiev.

Mais cedo, autoridades militares ucranianas haviam dito que paraquedistas russos desceram de 20 helicópteros e 8 aeronaves Mi-8 e começaram a combater os ucranianos para controlar o aeroporto.

Vídeos obtidos pelo jornal “New York Times” mostram que houve uma luta intensa na região do aeroporto —nas imagens, é possível ver helicópteros voando acima do rio Dnieper em direção à cidade de Hostomel.

Em um vídeo divulgado pelas forças armadas da Ucrânia, se vê, aparentemente, um desses helicópteros sendo derrubados.

Comentar

Comentar