Em Albina, 31 pessoas, sendo 3 homens e 28 mulheres, foram detidas e transferidas para Paramaribo. Os três homens foram presos por tráfico de 28 mulheres de origem dominicana que são profissionais do sexo comercial.

Investigadores do departamento de “Tráfico de Pessoas” (TIP) realizaram a ação em conjunto com o departamento da Luta Contra o Crime Pesado (BZC). Os dois homens são descendentes de chineses e o terceiro é dominicano. Os dois chineses são donos de uma loja e de um clube noturno.

Das 28 mulheres, 12 foram detidas por estarem ilegais no Suriname. As outras foram liberadas depois de terem apresentado seus documentos de residência e passaportes. Após a coordenação com o Ministério Público, os dois chineses, proprietários do clube noturno seguem presos, acusados de contrabando e tráfico de pessoas.

Deixe seu comentário abaixo.

Foto: LPM