Centrale Bank van Suriname — Foto: Luiz Paulo

Começou nesta segunda-feira, dia 22, a permissão interbancária para transações em euros por meio do Sistema de Pagamento Eletrônico Nacional do Suriname (SNEPS) automatizado. Anteriormente, esse procedimento acontecia em SRD e dólar americano.

Nos últimos cinco meses, o Banco Central do Suriname (CBvS) e a Associação de Banqueiros do Suriname iniciaram um processo conjunto para também realizar transações em euros por meio do SNEPS. O sistema foi instituído no país em agosto de 2015.

Publicidade

Com esta mudança das transações SRD para um sistema de pagamento eletrônico automático, o Suriname passa a se enquadrar nos padrões internacionais de pagamento e conformidade, de acordo com as diretrizes do Caribbean Financial Action Task Force (CFATF).

Números impressionam 

O número de transações interbancárias aumentou significativamente de 68 mil no quarto trimestre de 2015 para quase meio milhão de transações no último trimestre de 2020. “A CBvS e a Associação de Banqueiros do Suriname estão se esforçando para permitir o processamento dessas transações em até 24 horas durante os dias úteis”, disse, as entidades, em nota.

 

Comentar

Comentar