Arte: Total

O Maersk Valiant ficará por mais 100 dias, disse a Maersk. Esta opção terá início em março, na sequência das operações anteriores. A empresa disse que o valor foi de US$ 20,5 milhões, incluindo serviços integrados.

A Maersk anunciou em janeiro de 2021 que havia conquistado contratos para a Maersk Valiant e Maersk Developer da Total para trabalhar no Suriname. Combinadas, as duas sondas deveriam fornecer 500 dias de trabalho. O valor total dos contratos foi de cerca de US$ 100 milhões.

Publicidade

O Maersk Valiant começou a trabalhar em março do ano passado. O navio-sonda estava empilhado em Aruba desde junho de 2020, depois de terminar o trabalho no mar do México. A Total tem outras duas opções de um poço para o Maersk Valiant. A sonda é um navio-sonda de sétima geração, construído em 2013. Possui um sistema de perfuração sob pressão gerenciada (MPD).

Comentar

Comentar