Presidente em exercício transferiu o filho de escola de SP para o DF. Escola das Nações, na capital federal, alfabetiza em português e inglês.

O presidente em exercício, Michel Temer, aproveitou nesta terça-feira (26) o primeiro dia de aula, em Brasília, do filho caçula, Michelzinho, para buscá-lo na escola. Após a assessoria de imprensa do Palácio do Planalto avisar a imprensa, o peemedebista foi à escola localizada no Lago Sul acompanhado de sua mulher, Marcela. Ele não falou com os jornalistas, mas permitiu que fossem feitas imagens pelo lado de fora da cerca do colégio.

Temer chegou à escola em um carro oficial, escoltado por outros três veículos de sua equipe de segurança. Funcionários da Presidência ficaram do lado de fora do colégio organizando a atuação da imprensa.

Publicidade

Com a mudança da família de Temer para a capital federal no início do mês, Michelzinho foi transferido da instituição em que estudava em São Paulo para a Escola das Nações, um dos colégios mais caros de Brasília. As mensalidades na escola variam de R$ 3,4 mil a R$ 4 mil.

Na Escola das Nações estudam, por exemplo, filhos de diplomatas, magistrados, integrantes do Ministério Público e empresários. O colégio alfabetiza os alunos em português e em inglês.

Pouco antes de deixar a escola na companhia do filho, Temer disse aos jornalistas que não buscará Michelzinho todos os dias no colégio. “Só hoje”, enfatizou.

Fonte: G1

Comentar

Comentar