Anamoestraat — Foto: Luiz Paulo
Publicidade

De acordo com as últimas medições do Serviço Meteorológico do Suriname (MDS), o país enfrentará mais três meses de chuvas frequentes. Foi o que disse o chefe do Serviço de Meteorologia, Sukarni Sallons-Mitro, durante entrevista coletiva neste mês de junho.

“Vai ficar mais úmido do que de costume”. Sukarni falou das últimas enchentes e chuvas que deixaram a capital com vários pontos de alagamentos por dias consecutivos. “Se olharmos os números dos últimos três meses vemos que tem sido relativamente mais úmido”, reiterou.

Publicidade

Na estação Leliëndaal, um total de 567,6 milímetros (mm) foi registrado para a planície costeira, enquanto um máximo de 746,8 mm foi medido na estação Amatopo, no sul do Suriname. “Quando há locais onde não temos pontos de medição, ás áreas podem sofrer inundações”, explicou.

Comentar

Comentar