O governo do Suriname diz estar confiante em poder atender à “enorme demanda” por carne de seus vizinhos regionais, Trinidad e Tobago e Barbados.

O ministro da Agricultura, Pecuária e Pesca, Prahlad Sewdien, disse que manteve conversas no Equador durante a recém-concluída 37ª Conferência Regional da Organização para a Alimentação e Agricultura (FAO).

Publicidade

Os números mostram que, anualmente, a demanda dos dois países da Caricom é estimada em 5 mil toneladas de carne e o Suriname disse que estabelecerá e executará um programa para aumentar a pecuária e a produção de carne.

Sewdien disse que o ministério vai convidar pecuaristas interessados ​​em participar do programa e que serão feitos arranjos para lidar com os aspectos técnicos e fitossanitários da iniciativa.

O ministro ressaltou, ainda, que há oportunidades de exportação de certos tipos de frutas e vegetais para Trinidad e Tobago e Barbados. A empresa estatal Food and Agriculture Industries (FAI) já exporta de oito a 10 contêineres de bananas.

Comentar

Comentar