O número de casos da Covid-19 no Suriname deu mais um salto nesta terça-feira, dia 2, quando o painel contador do vírus alcançou 54 pacientes, sendo 44 ativos. De acordo com o Ministério da Saúde, centenas de pessoas foram testadas nos últimos dias e quem apresentou sintoma acabou internado.

Parte dos pacientes acabou apresentando sintomas mais severos da doença e foi encaminhado à Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Outro grupo de pessoas foi direcionado à quarentena para acompanhamento com agentes de saúde do governo do Suriname.

Publicidade

“Queremos evitar a propagação adicional. Que isso possa ser contido. O rastreamento de contatos ainda está sendo realizado, o que inclui pessoas positivas, que podem ter tido contado com outras”, disse, em comunicado oficial, o governo do Suriname nesta terça-feira, dia 2.

Respiradores

Em coletiva de imprensa no final de semana, o governo do Suriname adiantou que dispõe de 45 respiradores para tratamento de casos graves da Covid-19. De acordo com Cleopatra Jessurun, diretora do Ministério da Saúde, existe a possibilidade desse número aumentar para 60, porém, o país enfrenta um problema de ordem técnica.

“Atualmente existem 45 ventiladores disponíveis para o Covid-19. Eles poderiam chegar até 60. O maior problema com o qual o Suriname precisa lidar é com os recursos humanos”, explicou a diretora.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar